Infelizmente, muitas pessoas nem sabem o que é estudo ativo e, consequentemente também não sabem como essa metodologia pode mudar o seu aprendizado.

Antes de continuar, também é preciso mencionar que ler e estudar também são coisas diferentes.

Por conta disso, muitas pessoas acabam pensando que somente lendo serão capazes de assimilar o conteúdo.

Por isso, antes de continuar gostaria de fazer duas perguntas para você:

1 – Você já ouviu falar em estudo ativo e passivo?

2 – Se sim, qual deles costuma aplicar em sua rotina diária?

Putz! Nem sei do que você está falando!

Caso tenha respondido alguma coisa semelhante à expressão acima, fique tranquilo porque você não é o primeiro e também não será o último que tem essa dúvida.

tipos-de-tcc
O Monografis já mudou a vida de mais de 25 mil alunos em todo Brasil.

Estudo Ativo e Passivo, A Importância do Equilíbrio

Muitas pessoas – mesmo sem saber – acabam escolhendo o estudo passivo.

Geralmente isso acontece por causa de duas razões:

1 – Mais fácil e menos cansativo. 

2 – Transmite uma falsa impressão que você aprendeu tudo. 

Mas a boa notícia é que o estudo ativo pode ser aprendido e aplicado por qualquer estudante.

Além disso, fazer a combinação e manter o equilíbrio entre estudo ativo e passivo, certamente é a melhor opção.

Estudo Ativo = Ação!

estudo-ativo
Imagem: Pixabay.

Você lembra das vogais e consoantes?

Cara, mas que raio de pergunta idiota é essa?

É claro que lembro, senão não estaria lendo essa pergunta sem fundamento.

Agora pense por um momento, como a professora ensina esse tipo de conteúdo nas séries iniciais para uma criança.

Escrevendo, desenhando, pintando e recortando não é verdade.

Ou seja, havia bastante envolvimento durante as atividades.

Dessa forma você assimilou aquele conteúdo e nunca mais esqueceu.

Lógico, você não precisa fazer tudo isso depois de adulto.

Mas isso é para você ver como o estudo ativo pode fazer o conteúdo ficar gravado na sua mente para sempre.

Em uma só palavra o estudo ativo representa “ação”.

Ou seja, tudo aquilo que envolve a sua participação na aula pode ser caracterizado como estudo ativo.

É essa metodologia de estudo que vai fazer você lembrar do conteúdo sempre que precisar.

Exemplo de Estudo Ativo

O estudo ativo é quando você consegue manter a concentração e permanece mais tempo envolvido durante o aprendizado.

Existem várias formas de fazer esse tipo de estudo, como:

  • Escrever à mão o conteúdo.
  • Fazer anotações.
  • Responder simulados e questões depois de estudar.
  • Tirando as dúvidas com o professor.
  • Ensinando outros colegas.
  • Entre outros.

Estudo Passivo

estudo-passivo
Imagem: Pixabay.

Ao contrário do estudo ativo, no estudo passivo você não interage durante o aprendizado.

Ou seja, você só recebe as informações e tem a falsa impressão que esta assimilando tudo.

Exemplo de Estudo Passivo

No estudo passivo, você apenas recebe a informação. Para facilitar, veja alguns exemplos desse tipo de estudo:

  • Somente ler o texto.
  • Copiar o conteúdo. 
  • Apenas escutar a aula. 
  • Fazer uma tarefa secundária durante uma explicação.
  • Etc. 

A Importância do Estudo Ativo

Como é sabido, a forma tradicional de estudo é totalmente passiva e aplicada pela maioria dos estudantes.

Ou seja, primeiramente o aluno assiste a uma aula, depois lê um livro ou apostila e, quem sabe, faz até um resumo.

No entanto, também existe outra situação bastante comum.

Muitas vezes, o resumo é apenas uma cópia do conteúdo.

Nesse sentido, você poderá perder bastante tempo e assimilar pouquíssimo conteúdo.

Sendo assim, a importância do estudo ativo se deve ao fato da possibilidade de você conseguir assimilar o conteúdo em menos tempo e com mais facilidade. 

Como Tornar Seu Estudo Mais Ativo

Antes de concluir, veja algumas dicas que certamente vão ajudar o seu estudo ficar mais ativo e melhorar o seu aprendizado:

1 – Adote Hábitos Regulares de Estudo

estudo ativo depende da certos hábitos de estudo.

Dentre eles, manter uma rotina regular para estudar é extremamente importante.

Sendo assim, estude todos os dias, nem que seja por uma hora.

Além disso, também é importante cuidar do locar e horário para estudar.

Leia Também:

📕 Como a Técnica Pomodoro Pode Ajudar Você.

📕 Como Manter o Foco Nos Estudos.

2 – Simulados e Questões

Faça simulados e elabore questões para testar os seus conhecimentos.

Sendo assim, ao finalizar cada tópico crie questões sobre aquele assunto, que podem ser verdadeiro ou falso, certo ou errado, isso não importa.

O importante é você treinar.

Por meio dessa prática você estimula o seu cérebro e, consequentemente, vai trabalhar a memória.

Além disso, se você estuda para concurso público, é uma ótima forma de conhecer o estilo das bancas.

3 – Leia o Conteúdo de Forma Crítica

O estudo ativo é bem mais que somente a leitura do conteúdo.

Sendo assim, é importante que você leia e reflita de forma crítica sobre um determinado assunto.

Crie sensações, mapas mentais, etc.

Procure trazê-lo para a realidade fazendo ligações com o seu dia a dia.

Dessa forma o estudo ficará mais interessante facilitando o aprendizado.

4 – Vá Além do Material Básico Que Você Tem

Use a sua criatividade para estudar.

Para isso, você pode contar com uma grande variedade de materiais de apoio, como:

  • Tabelas comparativas.
  • Mapas Mentais.
  • Infográficos.
  • E tudo que a sua criatividade mandar.

5 – Faça Resumos e Anotações

Se você optar por resumos, procure faze-los à mão.

Essa medida é muito importante, porque pode contribuir para a compreensão e assimilação do tema.

Esse material deve ser usado para revisão do conteúdo estudado.

A recomendação é que cada revisão seja feita em períodos predeterminados, podendo ser:

  • Diárias.
  • Semanais.
  • Semestrais.

6 – Ensine Outra Pessoa

Se tiver alguém disponível, procure explicar o que você aprendeu.

Caso contrário você pode fazer isso consigo mesmo.

Ou, então, fazer a gravação de áudios e depois escutar para ver como ficou a explicação.

7 – Peça Ajuda Sempre Que Necessário

O estudo ativo representa a possibilidade de entender as coisas de várias formas.

Além disso, é totalmente natural se alguma parte do conteúdo ficar difícil de ser assimilada.

Sendo assim, não tenha vergonha de perguntar. O importante é eliminar todas as suas dúvidas.

Conclusão

Como você pode ver, o estudo ativo exige muito mais disciplina do estudante.

Isso porque, além de ler também será preciso:

  • Refletir sobre o conteúdo:
  • Escrever à mão.
  • Fazer anotações.
  • Responder simulados e questões.
  • Ensinar outras pessoas ou a si mesmo.
  • Entre outros.

Fazendo isso, certamente você vai notar um aproveitamento bem maior na sua aprendizagem.

Além disso, também é importante lembrar que não existe atalho para o sucesso.

Cada pessoa tem um perfil único, sendo assim, é preciso respeitar os seus limites e necessidades.

Mas acredite, com certeza vale muito a pena aplicar o estudo ativo para alcançar os seus objetivos.


Se você gostou do que leu e acredita que pode ser útil a outras pessoas, compartilhe com seus amigos e colegas.

Aproveita e segue o perfil do Meu Bloco nas Redes Sociais:

Participe dos Comentários

Este site utiliza Cookies e Tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência. Ao utilizar nosso site você concorda que está de acordo com a nossa Política de Privacidade.